Márcia Beatriz de Oliveira

Câncer de mama – Porto Alegre – RS

04 Marcia Beatriz Dourado

Em outubro de 2018 começou um novo ciclo da minha vida. Estava deitada e senti uma bola de gude na minha mama esquerda, meu sexto sentido gritava “é câncer!” Sim, câncer. Fui na ginecologista, na mastologista, enfim só confirmaram um câncer. Só que em momento algum entrei em desespero e nem tão pouco com pena de mim. Senti sim uma força interior muito grande, Uma força de cura uma força de fé porque sempre tive a certeza da cura. Retirei parte da mama esquerda e linfonodo com metástase. E sempre acreditando na cura. Sempre tive muito apoio do marido dos filhos e dos amigos. Quem vence o câncer somos nós, a quimio é apenas uma ajuda. Quando meus cabelos começaram a cair não tive dúvida: raspei e não uso nada porque quem tem que aceitar e amar somos nós mesmos. Já estou na minha segunda quimio, comecei com a quimio vermelha até agora estou muito bem sem complicações sem reações. E a fé? Gente, a fé é tudo! Deus nunca abandona.E a fé move qualquer obstáculo. Eu já venci o câncer. E VOCÊS TAMBÉM!